PERÍODO E DURAÇÃO DE UMA HISTÓRIA

Tempo de leitura: 3 minutos

O tempo é mais uma ferramenta para moldar a sua narrativa e pode gerar uma obra totalmente diferente dependendo do caminho que um roteirista escolher. O tempo é algo que mexe muito com o ser humano: causa ansiedade, angústia, tédio, felicidade, uma série de sensações e sentimentos. Além disso, a passagem do tempo traz mudanças à sociedade e ao mundo. Portanto, esse é um elemento fundamental para se pensar no momento de construir uma história.

O primeiro aspecto relacionado ao tempo que um roteirista deve levar em consideração é o período em que a história se passa. A história que está sendo contada se passa em um momento atual? Ocorre no futuro? No passado? É impossível determinar? A resposta para essas perguntas impactará totalmente no ambiente em que a narrativa acontece. Por exemplo, se o roteiro se aproxima de uma proposta mais realista e se passa nos anos 20, então é necessário que se pense nos costumes e valores daquela época, roupas, móveis, meios de transporte. Se a história se passa agora em 2018 esse cenário será diferente.

O filme “Meia-Noite em Paris” traz questões filosóficas sobre a forma como o ser humano enxerga o presente e o passado

Outro elemento relevante para o processo de criação de um roteiro é a duração da história, ou seja, quanto tempo a sua história irá durar. 1 ano? 1 século? Alguns meses? A narrativa se passará durante 1 dia? 1 hora? Ou o tempo da história será exatamente o tempo que o filme irá durar? Essa reflexão é fundamental, pois a duração de uma história influencia totalmente no ritmo em que ela é construída e contada.

Ao decidir retratar um século de história em um filme de duas horas, o roteirista precisará selecionar os momentos mais relevantes desse século, quais deles contribuem mais para o andamento da narrativa e quais foram determinantes na trajetória dos personagens. Percebe que muitos momentos desse século ficarão de fora? É aconselhável inserir no roteiro apenas os eventos mais impactantes e que mais acarretaram transformações na vida dos personagens, pois são esses os acontecimentos que trazem emoções mais fortes, uma carga dramática maior, e que, por consequência, podem prender mais a atenção do público.  

A trilogia “Antes do Amanhecer”, “Antes do Pôr-do-Sol” e “Antes da Meia-noite” conta a história do casal Celine (Julie Delpy) e Jesse (Ethan Hawke). O primeiro mostra a forma como os dois se conheceram; já o segundo retrata um reencontro do casal após alguns anos; e o terceiro aborda os desafios de um relacionamento duradouro. A história de cada um desses capítulos se passa ao longo de algumas horas e é contada em filmes que duram aproximadamente uma hora meia, uma hora e quarenta minutos. 

Em “Antes do Amanhecer”, vemos cada momento que faz a conexão entre Jesse e Celine crescer

O olhar do espectador segue Jesse e Celine durante as suas caminhadas, um passeio de barco, um trajeto de carro ou de ônibus. Tudo enquanto os dois trocam ideias, contam sobre suas experiências, compartilham suas visões de mundo. A história de cada um dos filmes apresenta elipses temporais bem menos bruscas em comparação a uma narrativa que duraria um século, por exemplo. O filme vai acompanhando os passos dos protagonistas e o melhor: em um ritmo que funciona muito bem para a duração da história e de sua proposta!

Assim como o período, a duração faz parte da essência de uma história. Por isso, vale muito a pena pensar em como esses aspectos temporais podem ser utilizados de modo que a sua história fique mais potente e profunda, para que ela se aproxime mais do que você pretende expressar, da sua intenção como artista.

Conte aqui nos comentários: já investiu um tempo para pensar no período e na duração da sua história? Como esses dois elementos influenciam a sua narrativa?   

2 Comentários


  1. As poucas coisas que escrevi já me vinham na mente a época, local, ambiente isso faz com que eu já visualize toda a história. Mas fiz com a época atual que torna um pouco mais fácil. Ainda não me arrisquei em escrever uma história de época que vai exigir mais estudo e pesquisa na criação 🙂

    Responder

    1. mto bom! pque.. acertou-me sem mirar…explico é que estou desenvolvendo roteiro que tem a ver…com o tempo histórico e de 3 personagens(também históricos),grato abs ari candido

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *